Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Abril, 2010

O espelho (cap. 3)

Pensei ter acordado finalmente. Mas encontrava-me num lugar estranho.
Havia um caminho e ao fundo conseguia ver algo que reluzia. Percorri esse caminho, para tentar chegar mais perto daquele brilho. O chão parecia escorregadio, tendo em conta os meus pés descalços...
Parei diante de um espelho, em tempos deve ter sido rectagunlar, mas agora encontrava-se partido em cima, num dos lados...
Tentei ver o meu reflexo... dei um salto para trás, o espelho não me reflectia, mas sim sombras, várias, de vários tamanhos e feitios!
Fiquei paralizada, paralizada de medo dos meus proprios medos, que aquele espelho mostrava!

Brisa fresca (cap. 2)

Senti uma brisa fresca tocar-me o rosto, parecia veludo suave. Tentei em vão agarrá-la.
Passou-me por entre os dedos, com uma rapidez esquiva.
Toquei no meu rosto, a pele parecia seca, enrugada pelo tempo que já passou sem eu dar conta.
Abracei-me a mim própria, no intuito de me reconfortar; tinha as roupas rasgadas pelas memórias amargas.
O cabelo encontrava-se emaranhado, quebradiço, tal como eu.
Frágil, tão frágil que senti a brisa, que soprou de novo, me derrubar.
E ali fiquei, deitada, paralizada pelo medo de me mexer.

Essa luz ténue (cap. 1)

Fecho os olhos, mergulho numa escuridão densa, como que absorvida pelo medo de cair e não mais me levantar abro os olhos de repente, continua tudo escuro...
Não vejo nada nem ninguém... nem sequer a mim própria.
Que sitio é este? Parece-me tão familiar mas ao mesmo tempo tão distante!
Aparecida do nada vejo uma luz ténue, treme como se dançasse ao som de uma qualquer melodia, no momento seguinte desaparece...
Olhei de novo, desta vez para outra direcção, à procura dessa luz.
Voltei a vê-la, então comecei a correr...
Mas quanto mais corria, mais longe ela ficava.
Cada vez mais e mais.
Senti-me cansada, parei.
Isto não me iria levar a lado nenhum!
Tentei pensar noutra solução mas não consegui.
Então ali fiquei, perdida dentro de mim!

Self-destruction

estou farta de lágrimas
pensava que aquelas seriam as ultimas
mas vejo-me cada vez mais afogada nelas
estou farta de escrever sempre as mesmas coisas
parece que me faltam as palavras
parece que o meu dicionario ficou reduzido a palavras amargas
tristes, destrutivas
não consigo evitar, embora queira...
preciso de ajuda?
talvez...
devo admitir que não estou capaz de lidar com a rejeição da maneira que devia
a solidão é o meu pior inimigo
mas sinceramente, tem-me faltado paciencia para aturar as pessoas
nesse caso, a solidão é o meu melhor amigo
paradoxal... tal como me sinto neste momento
não quero estar sozinha, mas ao mesmo tempo não me apetece estar com ninguém
sinto que estou a percorrer o caminho da autodestruição psicológica
não consigo de todo perceber o que me aconteceu
é verdade que é ridiculo sentir-me assim quando há pessoas a morrer a fome por este mundo todo, com problemas bem piores
sinto-me ridicula quando penso nisso
e mais ridicula ainda porque apesar de o saber, ainda assim não consigo ev…

O passado comanda-me

não sei se será exactamente esta a melhor expressão, mas o que é certo é que ainda estou demasiado agarrada a acontecimentos do passado, o que me provoca saudosismo que mais tarde se transforma em melancolia, nostalgia e, posteriormente, frustração!

talvez seja por ter sido tão especial, talvez seja por eu me recusar a acreditar que já não vale a pena! acredito que isto em nada seja bom para mim, mas não consigo evitar! dou por mim a relembrar os momentos que passámos e a pensar: "o que foi aquilo afinal?" "teve significado?" "será que tu também te lembras, com o mesmo entusiasmo que eu?"

é tão complicado gerir este tipo de sentimentos, que dou por mim a tentar dar-lhes um nome e não consigo! é dificil lembrar-me de como nos tratavamos e agora tenho medo de fazer seja o que for porque as tuas reacções mudaram em relação a mim! tenho medo principalmente de que tu deixes de dizer certas coisas para mim ou fazer certas coisas por achares que estás a alimentar…

Uma sms que me deixou sem palavras

Oh. es uma kortes pobre tipu eu xD.
Max eu goxto de ti axim como es poix tu es o meu amor
a nha paixao
o meu 28
a nha xuxua
a minha maix q tdo
ou seja a minha soulmate

Kuss @ 28

p.s. tou a ser infinitox % sincero
y so pa tu verex eu a xkrever exta sms vieram-m ax lágrimax aox olhox
Y pronto tou com saudadex tuax
y goxto mt mt mt mt mt mt de ti
y eu sei q tu sabex dixo
y eu nao te kero perder!
podem vir mil y uma dixkuxoes
podem vir mil y uma merdax
max eu sei y tu tbm sabex
q ultrapaxaremox tdx ox males dexte e de tdx ox mundox.
Bem joana silva, o fabio andre ta kuase a derramar-se em lágrimax no seu lokal de trabalho
y td ixto so pa dizer:
Ich Liebe Dich

:$

from: Fabio
to: Me
15/03/2010 - 13h53

Best mais Best de todos os Bests

Hoje tou muito sentimentalista… as vezes sabe bem…escrevo este blog para homenagear uma pessoa muito especial para mim…é difícil descrever por palavras o imenso carinho que se sente por alguém…




Já foi em 2007 mas parece que foi ontem, porque nunca me irei esquecer, há memórias que devem ir connosco para o túmulo e esta é uma delas…cada lágrima valeu a pena porque fez-nos crescer




Começou por amizade, surpresa de coincidências, passou a paixão que se transformou em amor… foi lindo enquanto durou, não me arrependo de nada, não me arrependo de te ter compreendido, de te ter perdoado, de te ter ouvido… a paixão pode ter acabado, mas o amor permanece, não aquele tipo de amor banal, que sentimos por alguém com quem queremos passar o resto da vida e construir família, mas sim um amor de amigos, quase maternal, nem sei explicar, não há palavras no mundo capazes de descrever, é demasiado emotivo…




Podes-me ter magoado, podes-me ter feito chorar, posso até ter batido no fundo e ter tido dificuldades…

What else?

que mais ha que falar? que mais ha para dizer?
quando tudo já se pensa dito, muito embora nao tenha sido sempre por palavras...
por conversas bem estruturadas e delineadas...
a espontaneadade por vezes é nossa amiga, outras vezes nao!
nao me arrependo do que fiz, do que disse, pois nunca me hei-de arrepender de quem sou!
arrependo-me apenas de todas as coisas, por mais pequenas que fossem, que ficaram por dizer, por fazer, por explorar!
arrependo-me de tudo o que pensei que deveria fazer, mas que por medo e cobardia nao o fiz!
arrependo-me de nao ter dito "amo-te" quando deveria... agora é tarde demais!
estás mais longe do que alguma vez estiveste!
gostava de perceber o porquê, o porquê de nunca me ter sido dada uma oportunidade, pois tinha tanto para oferecer...é incrivel como substimas a minha capacidade de fazer feliz...
nem sei porquê que escrevo isto, afinal ja passou tanto tempo, anos... mas por alguma razao precisava de desabafar, por isso aqui vai, nao o sei fazer de outra for…

28

caminhando em sentidos opostos que se complementam
tao diferentes e tao iguais
mesmo longe estamos perto
almas gémeas que se encontram na coincidência
traçam o mesmo caminho lado a lado
numa viagem pela vida
que continuará após a morte
pois o sentimento permanecerá vivo
aconteça o que acontecer
nada nem ninguém poderá separar
o que o destino juntou
isto nao é uma declaraçao de amor
pois o amor é efemero
a amizade é eterna

caminhando em sentidos opostos que se complementam
tao iguais e tao diferentes
estamos perto mesmo longe
quando te magoam magoam-me a mim também
pois somos um 2 em 1 perfeito pela sua imperfeiçao
num mundo coberto de escuridão
somos a luz que nos permite seguir em frente
sem tropeçar nos obstáculos
apenas ultrapassando-os
isto nao é uma declaraçao de amor
pois o amor nao desculpa
a amizade perdoa

2 + 8
o número perfeito
pois é par
significa mais do que vinte e oito
significa união

Make love to you

por vezes sinto saudades do teu cheiro
do teu toque
de sentir a tua pele contra a minha
de sentir a tua respiraçao no meu pescoço
tento esquecer mas é impossivel nao lembrar
a suavidade dos teus beijos quentes
os teus lábios tocavam nos meus e tudo o resto desaparecia
nao pensava em mais nada
em mais ninguém
eras tu quem ocupava a minha mente
eras tu que percorrias o meu corpo em arrepios de prazer
foste tu quem me mostrou o verdadeiro sentido do amor
eu fui a primeira e tu foste o primeiro
o primeiro a quem me entreguei com toda a minha essência
toda a minha dedicaçao
adorava ficar com o teu cheiro na minha pele
no meu quarto
nos meus lençois
lembrar-me do teu sorriso safado enquanto olhavas para mim com ternura
deixa-me doida
quem me dera voltar atrás no tempo e talvez fizesse as coisas de outra maneira
ainda hoje o teu cheiro me derruba os sentidos
os teus lábios fazem-me querê-los
os teus beijos sabem-me a pouco, mas esse pouco sabe tão bem
faço qualquer coisa para tentar matar a saudade, embora seja a s…

Allein

a força foge por entre os dedos
como a água, não se consegue agarrar
sei que já a tive bem presa nas minhas mãos
então o que fez com que ela fugisse? não tenho certeza...
talvez o problema esteja em mim, talvez esteja nos outros
talvez esteja em ambos
não sei se já fui feliz, mas já fui mais contente
não sei se posso dizer k sou infeliz, mas estou deprimente
isto não é o meu verdadeiro eu
ou se calhar é, aquele que sempre esteve escondido por detrás duma máscara de força e coragem
de diversão e prazer...
dei tanto de mim para receber quase nada
e agora fico aqui, sozinha, a escrever algo que a primeira vista nem tem sentido...

se vos contar o antes e o depois nem dá para acreditar
so quem realmente me conhece nota a diferença
...em 2006 era uma pessoa com uma energia contagiante,
não me deixava afectar por percalços da vida, tais como desgostos amorosos, deixava tudo na pista de dança, no banco de trás do carro, nos copos de malibu cola...
a coluna era minha do principio ao fim...
só saia se houvesse b…

O que é a Vida?

O que é a vida?
A vida é algo que nos é oferecido sem termos pedido.
Não é uma decisao nossa. É engraçado pensar que, na vida, somos nós que temos de tomar as nossas decisões, mas, ao mesmo tempo a mais importante foi tomada por outras pessoas.
A decisão de estarmos cá neste mundo. Quantas vezes já te perguntaste "o que faço eu aqui? porque estou neste mundo?"
Nós não escolhemos, simplesmente nascemos!
E só nos damos conta do que está à nossa volta meses depois.
Especialistas dizem que a vida começa a partir do momento em que surge o feto.
Bom, mas isso é apenas a parte biológica da vida!
Feliz ou infelizmente, o ser humano tem também uma componente emocional. E, aí volto a perguntar, o que é a vida?
Para mim a vida é a realização dos sonhos, o alcançar dos objectivos. É amar, ver, sentir, cheirar, conhecer, ouvir. Falar! É poder dizer a alguém que gostamos dela. É rir. É chorar.
Mas nem tudo é tão simples.
Viver é aprender a ultrapassar os obstáculos. Se tudo fosse fácil, se estivésse…

Eufemismo

não sei o que sinto
só sei que não o quero sentir
a apatia envolve-me, num abraço longo e apertado
não parece querer libertar-me
as lágrimas ja não escorrem, pergunto-me se isso será bom ou mau
pois continuo a chorar por dentro
lágrimas de sangue que fervilha, arrefece e acaba
como um rio que seca
Morre!
o espirito paira, no meio do nada, sem saber ao certo o seu caminho
tento nao pensar... mas para o ser humano "nao-pensar" é impossivel
mesmo quando queremos nao pensar em nada, ja estamos a pensar: "nao quero pensar"
os pensamentos surgem na mente, por vezes sem sequer nos darmos conta...
trazem com eles memórias de um passado que se deseja presente
lembranças de um presente sem futuro
Rio quando quero chorar
Choro a rir, para disfarçar
a angustia que sinto, é tamanha que já nem sei como a descrever
tenho medo de ter medo do proprio medo
nao sei como evitar
Amigos, esses são levados pelo vento, como o telhado de uma casa em ruinas, numa noite de temporal
mas se for conviniente voltam …

Talvez um dia

nao tenciono ser como ninguem, quero simplesmente ser eu propria!
se nao gostarem, nao finjam que gostam, prefiro que sejam meus inimigos declarados, do que amigos falsos. facadas nas costas doem sempre mais. gosto de quem me gosta, dou valor a quem realmente merece. sou forte, mas tambem sou fraca, as vezes riu quando me apetece chorar... choro quando ja nao da pa aguentar...

se nao amasse a vida com todos os seus defeitos, provavelmente ja nao estava ca...
criticas maldosas apenas me tornam mais forte
traiçoes apenas me tornam mais esperta
é verdade que por vezes perco o norte
principalmente se a saudade aperta

deixei para trás pessoas que valiam a pena
dei demasiada confiança a pessoas que nao mereciam
se me disseres, estas diferente! vou-te responder, pois estou!
agora que precisava da força que outrora tinha
ela nao parece querer dar a cara, acabou

talvez um dia volte a ser quem era
talvez um dia volte a rir
talvez um dia volte a chorar
talvez um dia te esqueça
talvez um dia te volte a amar
talve…

Silence

walking through the path of agony... walking in the darkness of depression...is there any salvation?

when i'm drowning myself in my own fears, there's nothing left to do but cry tears

of pain

this is silent...and tears my heart apart so slowly and painfuly, i wish it would do it fast so i wouldn't feel it for too long

loneliness is haunting me like a ghost, scaring me like a monster, killing me like a loaded gun

don't wanna feel it

just don't know how to heal it