"gosto de ti"

Posso até estar enganada, mas tenho notado que ultimamente - com isto quero dizer, nos últimos anos - as pessoas deixaram de dizer "amo-te", substituindo com um simples "gosto de ti". Antes que pensem que estou aqui a criticar alguém, digo já que contra mim falo também. Aparentemente "gosto de ti" é muito mais fácil de dizer, não tem a carga emotiva e sentimental de um "amo-te", é mais leve digamos assim. Mas isto levanta problemas, pois sinto que é bem mais complicado uma rapariga dizer "gosto de ti" para um amigo, ou vice-versa, sem ser mal interpretada(o). Quando digo isto, noto que, das duas uma, levo com aquele olhar de quem fica desconfiado ou desconfortável porque pensa logo que por de trás daquele "gosto de ti" está uma espécie de paixão, ou então com aquele olhar de quem fica extremamente esperançoso pois sempre sentiu o mesmo. Quase me sinto obrigada a acrescentar ao "gosto de ti" isto: 'no sentido básico do verbo gostar'. O sentido básico do verbo gostar, é como eu gosto dos meus amigos, sem qualquer tipo de sentimentalismos mais profundos para além da amizade; bom quer dizer, mais profundos é muito relativo, porque há amizades bastante profundas, sem sentimentalismos de outras naturezas é mais correcto.
Com isto tudo não quero dizer que não se possa usar o "gosto de ti" quando na verdade amamos alguém, mas não queremos ainda chegar ao "amo-te" porque achamos que é forte demais; apenas acho que o "gosto de ti" é demasiado sobrevalorizado, isto é, as pessoas tendem a conotá-lo como algo mais vasto do que aquilo que realmente significa.

Mensagens populares deste blogue

Personalidade Fraca ou Simplesmente Falta dela

Educação vs Formação

Pensamento Hipotético (1)