O espelho (cap. 3)

Pensei ter acordado finalmente. Mas encontrava-me num lugar estranho.
Havia um caminho e ao fundo conseguia ver algo que reluzia. Percorri esse caminho, para tentar chegar mais perto daquele brilho. O chão parecia escorregadio, tendo em conta os meus pés descalços...
Parei diante de um espelho, em tempos deve ter sido rectagunlar, mas agora encontrava-se partido em cima, num dos lados...
Tentei ver o meu reflexo... dei um salto para trás, o espelho não me reflectia, mas sim sombras, várias, de vários tamanhos e feitios!
Fiquei paralizada, paralizada de medo dos meus proprios medos, que aquele espelho mostrava!

Mensagens populares deste blogue

Personalidade Fraca ou Simplesmente Falta dela

Educação vs Formação

Pensamento Hipotético (1)