Antigo... antigo... parte 2

sinto-me como uma fénix a arder
em breve vou resnascer
das cinzas vou sair
para nunca mais voltar a cair
isto nao era suposto ser um poema
acabou por ser porque me perdi no tema
da mesma maneira que me perdi no teu olhar
e mergulhei na tua essencia sem pensar
no que é certo ou errado
um desejo nao realizado
por ti, de ti para mim
por que é que tem de ser assim?
nao sei, nao faças perguntas retoricas
nao esperes respostas euforicas
de felicidade, queria apenas a verdade
escrita nos teus olhos queria ver a vontade
de tentar, de falar, de conversar, de beijar
de amar, talvez, de te aproximares
tu nao sabes quem sou
eu apenas sei que és alguém que amou
outro alguém que nao devia
tal como eu fiz um dia
mas estou aqui
espero por ti
como uma fenix a arder
que espera renascer



ps: ok isto é antigo, mas podia não ser, a minha vida é realmente um grandessíssimo Karma!

Mensagens populares deste blogue

Personalidade Fraca ou Simplesmente Falta dela

Educação vs Formação

Pensamento Hipotético (1)