Vampiro

"Fizeste-me renascer só para teres o prazer de me sugar até a morte de novo, quiseste a minha alma para depois a desdenhares. Depositei em ti confiança, apesar de saber que não deveria confiar na noite, a escuridão esconde perigos por demais; mas lá estavas tu em contraste, pálido e quase transparente, que não resisti.
Parecias tão superior a qualquer outra coisa, qualquer outro homem seria insignificante perante o teu porte majestoso... conseguiste penetrar na minha mente e no meu coração, sabes bem o que fazer depois de teres o controlo sobre os dois órgãos vitais.
Como que por magia, tudo se transformou, o teu porte majestoso tornou-se grotesco, as tuas maneiras delicadas tornaram-se hediondas. Perante a luz eu vi-te, monstruoso e indelicado, sem dó nem piedade levaste-me de volta para o túmulo."

- Joana Silva

Mensagens populares deste blogue

Personalidade Fraca ou Simplesmente Falta dela

Educação vs Formação

Pensamento Hipotético (1)